1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 4.00 out of 5)
Loading...

3.9 Segundos De Zero Até Atrás De Um Arbusto

sumi_e_cherry_blossom_torso_by_battledressAssim que te vi soube que te queria, como se querem as cerejas no verão; queria-te a escorrer da minha boca, queria as minhas mãos cheias de ti e o teu corpo a derramar-se por ali, junto do meu. Assim que te vi senti que te queria, devem ter passado três segundos até te querer inteira e nua, atrás do primeiro arbusto que aparecesse, e não passou uma hora sem que to dissesse. Assim que te vi quis entrelaçar os meus dedos nos teus, quis tocar-te nos cabelos, quis perder-me nos teus olhos, quis cheirar a tua pele, quis o gosto do teu peito. Não sei se foi ali que me encontrei, sinto que isso foi mais tarde, mas foi ali que me perdi, nos teus dedos, e nos teus olhos, no teu cabelo e no teu peito, não sei se foi logo nessa noite que soube que nada nunca mais seria igual, mas foi ali, naquela noite, que o mundo mudou inteiro.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.