1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Cem Coisas Que Precisas De Saber – Coisa #54 – Há Gente Bruta Em Todo O Lado

Nos nossos dias não há desculpas, tudo está a um clique de distância, especialmente a informação, que (ainda) é grátis. O que outrora eram perguntas válidas (o que é “gavagem”? o que quer dizer “nédio”? há quantos anos morreu Stockhausen?) hoje revelam, da parte de quem as faz, apenas uma de duas coisas: um desdém inato pelo tempo e pela paciência dos outros – leia-se “eu podia ir ver isto ao google mas dá-me menos trabalho perguntar-te” – ou uma afirmação velada de qualquer coisa diferente da pergunta.

Por isso, quando alguém pergunta “quem é a Ivete Sangalo?”, isso nem sempre é uma pergunta: por vezes é uma afirmação de quem diz “quero que saibas que eu não sou o tipo de pessoa que sabe quem é a Ivete Sangalo”, como quem diz “eu sou melhor e maior do que as pessoas que sabem quem é a Ivete Sangalo”.

O que esta gente não entende é que saber quem é a Ivete Sangalo não diminui ninguém. O conhecimento nunca diminui ninguém. O que diminui alguém é não querer saber, é querer não saber. A capacidade humana é limitada, o tempo é limitado, podemos – devemos – ser selectivos e escolher o que aprendemos, o que fazemos, o que nos consome o dia, o que nos foca a atenção. Tudo isso está certo. São feitas escolhas todos os dias; é discutível se umas são mais nobres que outras, mais úteis que outras, se é preferível saber de jazz ou de kizomba, se vale mais saber de cor o Cesariny ou o Emanuel. Os juízos de valor valem o que valem. E a ignorância nunca vale nada. O que tens de entender é que da mesma forma que dizes, com algum orgulho, que nunca leste o Rodrigues dos Santos, que não sabes um refrão da Ágata, que nunca foste a Rio de Mouro, há quem não saiba o que é o suprematismo, nunca tenha ouvido falar de semântica e te pergunte se António Maria Lisboa não era o vocalista dos UHF.

A diferença entre uns e outros é a diferença entre a ignorância e a sobranceria, entre o desconhecimento e a soberba, entre uma possível vontade de saber mais coisas e uma postura dogmática e parva de quem decidiu que sabe tudo, quem já decidiu o que é bom e o que é mau, mesmo sem ouvir metade, quem se fecha na ignorância porque se acha superior.

Acontece dos dois lados, isto, tanto do lado do jazz como do lado da kizomba. E não é por ser de um lado ou de outro que é mais parvo, ou mais triste, ou mais inútil, ou menos embrutecedor.

One thought on “Cem Coisas Que Precisas De Saber – Coisa #54 – Há Gente Bruta Em Todo O Lado

  1. Joana
    17/12/2017 at 13:24

    Muito bom!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *