1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votes, average: 5.00 out of 5)
Loading...

Daqui A Dez (Ou Mais) Anos

Não sei o que quero de ti daqui a dez anos; fosse eu vidente, não andaria a escrever blogs. Não sei sequer quem tu serás daqui a dez anos, posso especular e imaginar, mas não sei nada do futuro, ninguém sabe.

De ti, só sei o que quero hoje: a tua mão na minha, o teu sorriso, as tuas palavras; a tua compreensão de quem eu sou e do que sou, do que valho, de onde falho; a tua vontade de me querer; a persistência de me querer melhor; é nisto que penso quando penso em ti, nas coisas que fizemos juntos, no que ainda queremos fazer, em como inventamos juntos sonhos e projectos à medida que o caminho se vai fazendo ao andar. É nisto que penso, se penso em ti sem te ver.

Depois vejo-te e o mundo explode, cascatas de lava que encurralam o inverno.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.