1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

E Se O Halloween Fosse Mais Tarde? – Faça Você Mesmo Um Halloween Sincrético

Façamos um Halloween sincrético: escolhamos ecléticamente as coisas que mais nos apeteça das várias tradições à volta do Halloween, e façamos este ano uma nova tradição. Mas justificada e coerente, pelo menos… de acordo com o nosso próprio critério!
Comecemos pela data. Acabaram com o feriado a 1 de Novembro, e com isso complicaram o Halloween. Dava jeito ser uma semana mais tarde, e a um fim de semana. Ora vejamos o que se arranja:
A véspera de 1 de Novembro é uma data tradicional mas não é a única apropriada, que o Halloween é já de si uma amálgama de tradições. O Halloween é, na Igreja Católica, a véspera do Dia de Todos os Santos, e assinala-se com uma vigília. Gostamos disto da vigília, vamos aproveitar para o nosso Halloween.
O Dia de Todos os Santos já mudou antes: era, no século VIII, a 13 de Maio – e ainda o é na Igreja Ortodoxa. Tinha sido fixado ali para se sobrepôr a um festival romano dos mortos chamado Lemuria, durante o qual se davam voltas a pé à casa atirando feijões para apaziguar os espíritos dos mortos (parafraseando Asterix, os romanos no meio disto tudo são os mais doidos…).
Ora a Igreja Católica nisto das datas nunca foi de olhar a meios para atingir fins, e se já tinham inventado um Dia de Todos os Santos em Maio para “converter” os romanos, não hesitaram em voltar a mudar a data para “converter”, desta vez, os Celtas da Irlanda. E assim o Dia de Todos os Santos migra para o 1 de Novembro, para se sobrepôr – e assim, “cristianizar” – a festa celta do Samhain, que marcava o início do Inverno.
Mas os Celtas tinham um calendário lunar, os Católicos um calendário solar, e isto das conversões nunca funcionou muito bem. A Igreja escolhe 1 de Novembro, mas o Samhain não é nessa data. Na altura, ninguém ligou e acabaram por fundir as festas à mesma, e a coisa passou.
Mas poder usar outra data mais correcta dá imenso jeito para construir um Halloween Sincrético!Sahmain, astronomicamente, representa o ponto médio entre o equinócio de Outono e o Solstício de Inverno, e este ano calha a 7 de Novembro. Temos, portanto, justificação fundamentada para adiar a data. E já que estamos a mexer na data, acertamo-la para um fim de semana, que dá mais jeito para isso das festas pela noite dentro. Sábado é dia 9, e a noite de sábado para Domingo é a última noite da Lua Nova (no Domingo é Quarto Crescente). Não tem absolutamente nada a ver, mas serve lindamente como desculpa.
Este ano, o Halloween Sincrético é na noite de 9 para 10 de Novembro, e é uma festa que dura a noite toda, ou quanto as pessoas aguentarem…
E de que consta?Tem abóboras. As abóboras são uma coisa eminentemente prática. Era a fruta da época na zona em que inventaram isto.
E tem monstros, tem de ter monstros. Os monstros vêm da antiga tradição celta e do folclore europeu: na noite de Samhain (leia-se “na última noite da Lua Nova logo após o Samhain”) os espíritos maus vão das suas casas e terrenos de Verão para os seus terrenos de Inverno, e passam pelas ruas, e levam todos os humanos que se cruzarem com eles. Daí os disfarces de monstro – eles pensam que somos um deles e não nos incomodam.
Mas está frio, e estamos a fazer um Halloween Sincrético numa data diferente de toda a gente… queremos mesmo ir para rua? Não, não queremos. Podemos, mas provavelmente não queremos.
Resolve-se facilmente: esculpem-se as tradicionais caras de monstro nas abóboras e põem-se à porta da rua. Assim os monstros não entram e ficamos descansados.
Mas mantemos os disfarces, é óbvio. A vantagem do Halloween Sincrético é que como já não temos de sair à rua nem nos vestir de monstro, podemos disfarçar-nos daquilo que quisermos e com tanta ou tão pouca roupa como quisermos.

E que se faz numa festa de Halloween Sincrético?Bem, já que estamos a inventar uma festa nova, há sempre a opção do sexo. Sinceramente não estavam à espera que no Menino se inventasse uma festa nova e não envolvesse sexo, ou estavam? Que ingenuidade… Pronto, admito, há quem possa não achar prático assim numa festa, mas dependendo dos contextos e se as pessoas estiverem todas para aí viradas, é uma boa maneira de toda a gente se entreter e passar umas horas divertidas.Na falta do sexo, ou mesmo sem falta, também se recomenda que se beba.A convicção com que se aborda o Halloween Sincrético está directamente relacionada com aquilo que se bebe – basta ter cuidado, que convicção a mais é menos divertida.Além de beber, conversa-se. Tiram-se fotos se apetecer. Conversa-se mais. E além de conversar, joga-se.Os jogos tradicionais do Halloween Sincrético incluem o Carcassonne, o Mah Jong e o Twister. Recomenda-se que o Twister seja jogado entre o momento em que os convivas estão suficientemente bêbedos para se deixar convencer mas ainda não bêbedos demais para se mexer sem cair a cada movimento. Encontrar este ponto e manter lá gente suficiente para jogar é uma arte que nem todos dominam.Se sobrar tempo, e gente, podem jogar ao que quiserem. O objectivo é haver pelo menos alguém acordado ao nascer do sol que possa acordar os outros e celebrar o facto de terem sobrevivido a mais um Halloween Sincrético sem serem excomungados, presos ou levados por monstros para os seus covis distantes.

TL;DR?Um resumo:
O Halloween Sincrético é uma forma de Halloween mais divertida e que é quando nos der jeito.Este ano, é de 9 para 10 de Novembro.Duração: do pôr do sol – ou de quando vos der mais jeito, tipo depois de jantar, a partir da meia noite, sei lá, inventem – até ao nascer do sol do dia seguinte. Podem dormir se forem muito preguiçosos ou a festa correr menos bem – não podem é sair de casa!Obrigatório: abóboras escavadas à porta de casa, com caras de monstro e velas lá dentro.Obrigatório: toda a gente mascarada do que quiser, uma espécie de festa de carnaval indoors com muito poucas regras e duvidosa moral. Ninguém precisa de se vestir de monstro. Aliás, fatos de monstro são coisas complicadas de vestir e de despir. Just saying.Recomendado: bebam qualquer coisa. a sério.Obrigatório: joguem a qualquer coisa. Carcassonne, Mah Jong, Twister, até jogos da Wii. Os jogos têm é de dar para toda a gente. Não queremos ninguém excluído. Mas joguem. E conversem. E joguem. Façam o que vos aprover.The night is long and full of terrors…Objectivo: Quem estiver acordado ao nascer do sol ganha. “Ganhar” é definido como estar vivo e praticamente incólume e ter sobrevivido ao Halloween Sincrético. Esses acordam os outros ao nascer do Sol. Os que acordarem ganham também. Os que não acordarem… pelo menos divertiram-se…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.