1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 5.00 out of 5)
Loading...

Manual de Instruções, cap. 68 – Edição Especial – Escolher O Amor

sitting ponderingEu quero amar e quem me ame num dia nublado. Sem história. Igual a milhares deles. (…) O amor que nasce e floresce apesar de não haver tempestades nem estrelas nos olhinhos. O amor que nasce de mãos dadas a olhar para uma parede depois de uma discussão sobre papel higiénico. (…) E esse amor, Menino, quer-me parecer, cá do meu velho bloco de gelo, que é capaz de ser o que faz com que só se queira uma pessoa para atravessar uma tempestade e só uma para nos levar às nuvens. Esse amor é aquele que, por muitos ombros que nos ofereçam nas tempestades, nos faz distinguir entre partes de anatomia e sentimentos verdadeiros.

Ice Berg, Not Even God

(este é, provavelmente, um dos melhores textos sobre a natureza do amor que já li em toda a minha vida)

7 thoughts on “Manual de Instruções, cap. 68 – Edição Especial – Escolher O Amor

  1. 11/02/2014 at 18:31

    Adorei :) fiz um link também em http://www.umdiaindaescrevoumlivro.blogspot.com

  2. 11/02/2014 at 20:20

    Obrigada, Menino. :)

    E obrigada, Tita.

    1. 11/02/2014 at 20:25

      Obrigado eu, Ice. :)

  3. Florbela Ferrão
    31/01/2017 at 12:12

    Pois, bem me parecia que o texto nã era do Menino!!! :))

    1. 31/01/2017 at 22:35

      De facto não é; há por aí melhores pessoas que eu a escrever coisas :)

  4. Florbela
    01/02/2017 at 14:20

    O Menino é bom a escrever … depende é do que ande a pensar! :)

    1. 01/02/2017 at 14:30

      oh, e como eu penso em tanta coisa estranha ao mesmo tempo… :)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.