1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (3 votes, average: 4.67 out of 5)
Loading...

Quero Foder Mas Tenho Roupa Por Passar

Segundo um estudo científico do Menino, as mulheres são melhores no multitasking*, e pode ser por isso, paradoxalmente, que procuram o sexo com menos frequência.

A libido em homens e em mulheres, vista quantitativamente, apresenta significativa variância, ao ponto de ser maior a variância num dos sexos do que a diferença da média entre os dois. Dito de outra forma, há homens que têm menos desejo sexual que a mulher média, e mulheres com mais desejo sexual que o homem médio. E, no entanto, a experiência empírica diz-nos que os homens têm vontade de foder com mais frequência que as mulheres, ou, pelo menos, são mais frequentemente solicitadores do contacto sexual.

Pondo de parte as questões culturais (relevantes, mas que para aqui não me interessam) analisemos como estas coisas se passam:

Presumamos, com neutralidade, que as mulheres têm desejos sexuais tantas vezes como os homens;

Quando êm vontade, os homens, por só conseguirem fazer bem uma coisa de cada vez, iniciam um processo que os foca na tarefa de conseguir o sexo;

Quando têm vontade, as mulheres, por serem capazes de o fazer, continuam a fazer multi-tasking, a pensar em sexo ao mesmo tempo que pensam noutras coisas.

Todas as evidências indicam que é nessa lista de outras coisas que surgem os inibidores de que o sexo se dê: lembram-se da roupa por lavar, do almoço de amanhã por começar, do relatório para a reunião de dia 20 que já devia ter sido começado, do último episódio da de quando começará a nova season da Bones, do livro que estão a ler e é tão giro.

Todas estas coisas, naturalmente, ocupam o pensamento, e competem, inconscientemente, com a ideia de ter sexo. E eventualmente é uma destas coisas que vai vencer (ou talvez as mulheres fiquem simplesmente cansadas de pensar em tanta coisa e decidam que não vão escolher ter sexo se têm tanta coisa que fazer e em que meditar).

A conclusão é que as mulheres não têm menos libido, não se focam é tanto numa coisa só.

Sabendo isto, a forma de fazer com que a ideia de sexo progrida para sexo real é fazê-las pensar menos em outras coisas; isto pode conseguir-se de quatro maneiras:

uma é diminuir o número de coisas em que elas têm de pensar: despachar a roupa, a louça, a casa, os tpc dos miúdos, ajudá-las a despachar os relatórios delas, fazer os downloads das seasons novas das séries para elas verem quando quiserem e não andarem para aí a pensar no assunto;

a segunda é diminuir-lhes a capacidade de multitasking, por sensory overload ou sobreexposição a coisas que lhes captem a atenção mas tenham a ver com o sexo – baixar a luz, pôr velas, massagens, óleos, músicas, levá-la a jantar a um sítio diferente, a dormir a um sítio diferente, tudo isto são coisas que ela terá de processar em paralelo mas que conduzem todas no sentido do sexo;

a terceira é apanhá-la de surpresa, agarrá-la no corredor, encostá-la à parede, levantar-lhe a saia, beijá-la, apalpá-la, fodê-la, em rápida sucessão de movimentos, de forma a que tudo aconteça tão rápido que ela só tenha tempo de processar e de corresponder a tudo o que está ali a acontecer naquele momento e não dê tempo a que o multitasking se active. nem sempre funciona porque nem sempre ela está para aí virada, e até pode ficar aborrecida com isso. ou não. é tipo roleta russa;

a quarta é embebedá-la. poucas coisas lixam tanto o multitasking como essa.

* segundo a cultura popular, apoiada por vários estudos

One thought on “Quero Foder Mas Tenho Roupa Por Passar

  1. Florbela Ferrão
    18/01/2017 at 17:17

    Gargalhei. Muito bem. :)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.